O Toyota Yaris foi apresentado ao mercado brasileiro entre o final do primeiro e o começo do segundo semestre de 2018, já como ano/modelo 2019.

Apesar do nome Yaris já ser antigo no mercado global, vale lembrar que o modelo oferecido no Brasil é uma derivação mais barata, voltada para mercados emergentes, sem qualquer vínculo com o Yaris original vendido em mercados como Japão, Europa e América do Norte.

O modelo oferecido no Brasil é o facelift da derivação conhecida pelo código XP150, que compartilha diversos componentes mecânicos com o Etios, outro produto voltado para mercados emergentes.

Neste artigo, vamos conhecer o Yaris em detalhes e abordar seus principais pontos fortes e fracos. 

Design 

O Toyota Yaris vendido no Brasil nasceu no meio do ciclo de vida da terceira geração do compacto original, prevista para ser um produto mais globalizado.

Isso fez com que existissem inúmeras variantes de um mesmo carro com mudanças estéticas em diferentes pontos, algo que vai contra o conceito de identidade visual tão difundido nos dias de hoje.

Esse foi, provavelmente, o principal motivo pelo qual a marca esperou a chegada do facelift para apresentar o carro ao Brasil. Essa mudança foi a responsável por acabar com todas essas pequenas diferenças entre as variantes dos países emergentes, unificando o design e otimizando a engenharia, produção, entre outros pontos. 

A dianteira traz faróis horizontais de foco duplo e construção por refletor ou projetor, dependendo da versão, prolongados por uma discreta grade central e posicionados acima da enorme abertura central no para-choque, dedicada ao arrefecimento do motor.

De lado, as portas trazem vincos bem demarcados e a coluna C sempre pintada de preto fosco na carroceria hatch. As rodas de 15 polegadas parecem muito pequenas para o porte do carro.

Já na traseira, as lanternas também horizontais podem receber LEDs nas versões mais caras, interligadas por um detalhe em preto brilhante, que se complementa ao vidro da tampa do porta-malas.

O para-choque traseiro abriga refletores meramente decorativos nas extremidades inferiores. 

Não compre um Toyota Yaris seminovo sem consultar o histórico completo!

Veículos seminovos e usados podem ter diversos problemas que diminuem seu valor de mercado ou dificultam a transferência. Por isso, é importante consultar o histórico antes de comprar.

imagem de um botão escrito: consulte agora o histórico do veículo e fuja de problemas!

Mecânica 

Construído sobre a mesma plataforma do Etios, o Yaris pode ser encontrado no Brasil com duas opções de motores de quatro cilindros, naturalmente aspirados e flex.

O mais barato é um 1.3 capaz de gerar até 101 cv e 12,9 kgfm, enquanto o mais caro é um 1.5 que gera até 110 cv e 14,9 kgfm.

Ambos podem ser encontrados com câmbio manual de seis marchas ou automático do tipo CVT, que traz recurso de simulação de sete marchas no modo manual – é a mesma transmissão utilizada pela 11ª geração do Corolla.

No mais, todas as versões trazem freios traseiros a tambor e suspensão traseira por eixo de torção. 

Interior 

Apesar de sua arquitetura e posicionamento, a cabine do Toyota Yaris foi projetada para tentar passar a sensação que o típico cliente Toyota espera ter nos carros da marca.

O interior monocromático traz discretos detalhes em prata ou grafite, além de mínimos apliques cromados e porções maiores em preto brilhante, bem como porções plásticas com imitação de costura em tecido e iluminação dos comandos toda em azul. 

O cluster de instrumentos é composto por mostradores analógicos e uma pequena tela do computador de bordo no canto inferior direito, enquanto o volante é o mesmo do Corolla G11.

No meio do painel, a central multimídia fica no topo do console e dá o acabamento em preto brilhante para as saídas de ar e os comandos que podem ser analógicos ou digitais.

Ponto positivo para as portas traseiras que repetem o acabamento das dianteiras, trazendo pequenas partes em tecido para o apoio de braço, algo raríssimo no segmento. 

Tecnologia 

Nascido para se posicionar acima do Etios, o Yaris chegou com uma boa lista de equipamentos, desde as versões mais baratas.

No ato do lançamento, a configuração de entrada trazia itens como:

  • Rádio com conexão Bluetooth e comandos no volante;
  • Direção elétrica;
  • Ar-condicionado;
  • Rodas de liga leve aro 15;
  • Computador de bordo;
  • Controles de tração e estabilidade;
  • Apoio de braço dianteiro.

Nas versões mais caras, o Toyota Yaris conta com:

  • Sete airbags;
  • Faróis por projetor halógeno;
  • Ar-condicionado digital;
  • Teto solar elétrico;
  • Retrovisor interno fotocrômico;
  • Central multimídia;
  • Faróis de neblina;
  • Chave presencial;
  • Bancos e detalhes internos de acabamento em couro;
  • Sensor de chuva;
  • Rebatimento elétrico para os retrovisores.

E muito mais.

No facelift aplicado para 2023, o Yaris ficou mais equipado, podendo receber faróis Full LED e recursos semiautônomos de segurança como assistente de frenagem de emergência e o alerta de mudança indevida de faixa. 

Confira as avaliações de alguns dos concorrentes diretos do Toyota Yaris:

Principais pontos fortes 

Consumo

No geral, o Toyota Yaris consegue ser bastante econômico, mesmo no uso diário, principalmente se for equipado com a transmissão CVT.

É uma opção que deve ser considerada para quem usará o carro com frequência e não quer ser amigo do dono do posto de gasolina. 

Conforto

Apesar de ser construído sobre a plataforma do Etios, o Yaris parece um carro muito superior ao volante.

Tirando o fato da suspensão abaixar na traseira com o carro cheio, ela se comporta muito bem, mesmo em pisos mais acidentados, garantindo um rodar tranquilo e confortável para todos. 

Equipamentos

Você não precisa apelar para as versões mais caras se quiser um Yaris “equipadinho”. Mesmo os mais baratos já podem agradar aos que querem um pouco mais de conteúdo. 

Saiba mais sobre o Toyota Yaris neste vídeo:

Principais pontos fracos 

Interior

Além de não ser tão espaçoso quanto deveria, o interior do Yaris também deixa a desejar no acabamento geral.

Há muito plástico e, para piorar, a superfície do material mostra seu baixo custo aos olhares e toques de qualquer um, fugindo do que o cliente Toyota está acostumado. 

Segurança

Embora traga todos os recursos mínimos de segurança que um carro moderno pode trazer, o Yaris nunca se saiu bem nos crash-tests pelos quais já passou e a culpa é da estrutura que, segundo os órgãos avaliadores, é instável. 

Preço

O Yaris chegou com preços relativamente competitivos, mas encareceu demais com o tempo e perdeu suas vantagens diante da concorrência atualizada. Não oferece uma boa relação custo X benefício. 

Histórico de versões 

2018/2019 – XL, XL Plus Tech, XS e XLS – Modelo de lançamento.

2019/2020 – XL Live, XL Plus Connect, XS Connect, X-Way Connect e XLS Connect – Linha 2020.

Reposicionamentos: 

  • Novos nomes para as versões;
  • Acréscimo da versão X-Way.

Novidades: 

  • Função de espelhamento para smartphones Apple e Android via cabo.

2020/2021 – XL Live, XL Plus Connect, XS Connect, X-Way Connect, S e XLS Connect – Linha 2021.

Reposicionamentos: 

  • Acréscimo da série especial S.

2021/2022 – XL Live, XL Plus Connect, XS Connect, X-Way Connect e XLS Connect – Linha 2022.

2022/2023 – XL, XS e XLS – linha 2023, primeiro facelift.

Reposicionamentos: 

  • Retirada das versões XL Live e X-Way;
  • Novos nomes para as versões;
  • Retirada das configurações com motor 1.3 e/ou câmbio manual.

Novidades – Todas as versões 

  • Novo para-choque dianteiro;
  • Luzes diurnas em LED;
  • Sete Airbags;
  • Alerta de uso dos cintos de segurança dos passageiros traseiros;
  • Modos de condução Eco e Sport;
  • Central multimídia com espelhamento para smartphones via cabo.

Versão XS: 

  • Faróis por projetor halógeno;
  • Lanternas com luzes de freio e posição em LED;
  • Alerta de mudança indevida de faixa;
  • Assistente de frenagem autônoma de emergência;
  • Novo revestimento para os bancos.

Versão XLS: 

  • Faróis Full LED;
  • Faróis de neblina por projetor de LED;
  • Novas rodas aro 15 com acabamento diamantado.

Outro concorrente direto 

Honda City Hatch