Logotipo Olho no Carro

Comprar carros em leilão pode ser uma boa forma de economizar, mas não são todos os tipos de leilão veicular que valem a pena. Neste texto você vai saber tudo sobre esse assunto e aprender a forma certa de negociar veículos de leilão!

Saiba agora se um veículo tem passagem por leilão e negocie melhor!

Quais são os tipos de leilão veicular?

Existem 4 tipos de leilão veicular que são:

1 – Leilão de recuperação de financeira

Quando o proprietário não consegue pagar o financiamento, o banco ou instituição financeira pode recuperar o carro e disponibilizá-lo para leilão.

Normalmente, esses veículos não têm danos estruturais graves e, por isso, esse é um dos tipos de leilão veicular mais seguro.

2 – Leilão de seguradora

Nesse caso, os veículos sofreram algum tipo de sinistro e a seguradora optou por não fazer a recuperação, devido ao alto custo. 

Comprar veículos de leilão de seguradora pode não ser um bom negócio, devido à gravidade dos danos estruturais.

3 – Leilão de montadora

Nesse caso, as montadoras disponibilizam para leilão os veículos que foram utilizados para operações internas e testes.

Devido ao fato de serem testados em condições extremas, esses veículos também podem ter danos estruturais significativos. Tudo depende dos tipos de testes aos quais eles foram submetidos.

4 – Leilão do Detran

O Detran disponibiliza para leilão os veículos que foram apreendidos e não foram procurados em um prazo de 90 dias.

Normalmente, esses veículos não têm danos estruturais que demandam um alto custo de reparação. Sendo assim, podem ser uma boa oportunidade de compra.

O que é um leilão tipo A?

Quando um veículo recebe a classificação A, quer dizer que ele não têm grandes avarias (danos) e que possivelmente ele foi a leilão por conta de um financiamento que não foi pago, por penhora ou por fazer parte da renovação de frota de uma empresa.

Qual a desvalorização de um veículo de leilão?

Depende dos danos estruturais que o veículo tem, mas, é possível garantir que a desvalorização será de, no mínimo, 30% do valor de mercado.

Quais são os riscos de comprar veículos de leilão sem saber a procedência?

Como você não pode fazer o Test Drive do veículo de leilão antes de comprar, é mais difícil identificar falhas mecânicas. 

É muito comum encontrar relatos de compradores de veículos de leilão que tiveram que gastar muito dinheiro na tentativa de reparar os danos estruturais do carro.

Leia também: Como comprar carros de leilão com segurança?

Então, se você não pode avaliar o veículo e fazer um Test Drive, qual é a forma mais fácil de evitar problemas? A consulta veicular! Saiba mais:

Consulte o histórico completo do veículo antes de comprar!

Ao consultar o histórico, você pode saber se o veículo tem algum indício de sinistro, se tem restrições e impedimentos, qual é o custo das peças de reposição desse carro. Enfim, diversas informações que te ajudam a decidir se vale a pena investir nessa compra.

Além disso, você terá acesso ao Score de leilão. Esse Score é uma pontuação que mostra qual é a possível origem e o estado do veículo no ato do leilão, qual é a possível porcentagem de perda no valor desse veículo e qual é a probabilidade de que seja exigida uma vistoria especial no momento da contratação de um seguro.

Veja abaixo um exemplo de como essa informação pode aparecer na sua consulta:

Primeiramente, você poderá saber se o veículo tem algum dano estrutural e qual é a porcentagem de aceitação desse veículo no mercado:

A informação sobre o risco de aceitação em comercialização te mostra se você terá dificuldade de vender esse veículo. Normalmente, veículos com danos estruturais possuem uma taxa de aceitação menor.

Em seguida, você poderá visualizar o possível percentual de perda de valor desse veículo, segundo a Tabela FIPE atual:

A Tabela FIPE mostra o preço médio de qualquer tipo de veículo comercializado no Brasil e esse valor costuma ser utilizado como referência para a compra e venda de veículos usados e seminovos.

Por último, você poderá ver qual é a probabilidade desse veículo ter que passar por uma vistoria especial no momento da contratação de um seguro:

Essa vistoria será feita para identificar danos estruturais e adulterações ou fraudes nos documentos do veículo.

Enfim, todas as informações da consulta completa são imprescindíveis para quem quer negociar veículos de leilão, garantindo uma compra segura, pelo melhor preço.

Quer fazer a consulta completa e garantir a melhor compra?

Leia também: Como a consulta veicular te ajuda a escolher o melhor carro usado ou seminovo?