Logotipo Olho no Carro

Os carros de repasse têm um valor atrativo, o que faz com que sejam vistos como uma boa oportunidade de compra, mas será que valem a pena? Saiba tudo aqui!

Consulte agora o histórico do carro pela placa e garanta a melhor compra!

O que são carros de repasse?

Para entender o que é um carro de repasse, é necessário lembrar como funciona um processo de compra e venda convencional:

Quando a compra é realizada na concessionária, por exemplo, é feita a vistoria cautelar e a avaliação dos documentos, a fim de garantir que está tudo em ordem com o veículo antes de entregar para o comprador.

Basicamente, as concessionárias recuperam os veículos e os deixam em boas condições de uso para os novos proprietários.

No caso do repasse de veículos, acontece o contrário, o vendedor avisa ao comprador que não será feita nenhuma vistoria e, por isso, não haverá nenhuma garantia após a compra. Os carros são literalmente repassados, da forma que estão, sem chances de devolução. 

Na maioria das vezes, esses carros são vendidos por valores bem abaixo dos encontrados na Tabela FIPE, o que chama a atenção dos consumidores. Porém, não podemos esquecer de somar os valores das ofertas aos custos de recuperação dos veículos, que normalmente são bem altos.

Leia também: Como consultar o preço de um carro na Tabela FIPE 2021?

Vale a pena comprar esse tipo de veículo?

Para que valha a pena comprar carros de repasse, os custos de recuperação somados ao preço pago pelo veículo devem gerar um valor bem menor do que a oferta desse mesmo modelo em uma loja convencional.

Para que fique mais claro, veja este exemplo:

Digamos que você queira comprar um Fiat Uno 1.0 de 2016 e você encontrou esse modelo por ofertas a partir de R$ 17,4 mil em sites de venda convencionais.

Mas, um dia, você viu um anúncio de repasse em que esse mesmo modelo foi ofertado por R$ 10 mil. Nesse caso, para que compense comprá-lo, você deverá ter um custo de recuperação bem abaixo de R$ 7.400,00. 

Para conseguir calcular os custos de recuperação dos carros de repasse, você deve contar com a ajuda de mecânicos da sua confiança!

Mas é importante que você saiba que, na maioria das vezes, os vendedores de repasse não permitem que sejam feitas vistorias e avaliações antes da compra. Portanto, muitos problemas mecânicos e estruturais só poderão ser percebidos depois.

Decidi que quero comprar um carro de repasse, como garantir a melhor compra?

Além de contar com ajuda de mecânicos da sua confiança, é importante que você consulte o histórico completo do veículo.

Com a consulta completa da Olho no Carro você poderá descobrir problemas como:

  • Batida integral
  • Roubo e furto
  • Passagem por leilão
  • Restrições e impedimentos
  • Débitos (IPVA e taxas) e multas
  • Recall pendente

E muito mais!

Além disso, você poderá analisar a ficha técnica do veículo e saber o custo das peças originais como amortecedores, filtro de combustível e kit de freios. Assim será mais fácil calcular os custos de manutenção e recuperação do veículo que você pretende comprar.

Outra super vantagem da consulta completa é o Score de Leilão! Caso o veículo já tenha passado por algum tipo de leilão, você poderá saber qual é a possível origem e o estado do veículo, a porcentagem de perda no valor de tabela e a probabilidade de que seja exigida uma vistoria especial no momento da contratação de um seguro.

E o melhor de tudo é que, para ter acesso a todas essas informações, você só precisa saber o número da placa!

Leia também: Quais são os tipos de leilão veicular? Vale a pena comprar veículos de leilão?