Logotipo Olho no Carro

Veja aqui quais foram os 10 carros 1.0 mais vendidos em outubro de 2021. 

Vai comprar um carro usado? Consulte o histórico! 

Essa é a melhor forma de evitar golpes e problemas! 

Leia também: Qual é a vantagem de fazer uma consulta veicular? 

Veja agora o Top 10 dos carros 1.0 mais vendidos em outubro de 2021! 

Para montar essa lista, consideramos somente as vendas das versões 1.0 de cada modelo. 

10 – Renault Kwid – 2.655 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

Apesar do aumento nas vendas, o Kwid se manteve no décimo lugar do ranking. Foram 2.655 emplacamentos em outubro contra 1.974 em setembro.  

Entre os principais pontos fortes desse carro estão o design, o consumo e do tamanho do porta-malas. Por outro lado, esse modelo perde muitos pontos com relação ao sistema de freios, ao acabamento e, principalmente, à suspensão. 

9 – Fiat Mobi – 2.988 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O Fiat Mobi despencou na lista dos carros 1.0 mais vendidos em outubro de 2021, saindo do terceiro para o nono lugar. Foram 4.642 unidades vendidas em setembro contra 2.988 em outubro. 

Esse carro é fácil de manter, econômico (na maioria dos casos), além de ter uma mecânica confiável, mas tem alguns pontos negativos, segundo a opinião dos próprios donos, que são o acabamento interno, a lista de equipamentos e o tamanho do porta-malas. 

8 – Volkswagen Gol – 3.030 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O Gol se manteve na mesma posição entre setembro e outubro, mas as vendas aumentaram: foram 2.422 em setembro e 3.030 em outubro. 

O VW Gol é um dos queridinhos do mercado brasileiro e os seus principais pontos fortes são o motor, o consumo e o câmbio, mas ele perde alguns pontos em acabamento interno, tecnologia embarcada e posição de dirigir. 

7 – Volkswagen Nivus – 3.703 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O VW Nivus caiu da sexta para a sétima posição entre os mais vendidos e isso se deve à queda nas vendas. Foram 3.782 unidades em setembro contra 3.703 em outubro. 

Além do design, outros pontos fortes desse modelo são o porta-malas, o desempenho, os itens de série e a tecnologia embarcada. Mas ele perde alguns pontos com relação ao acabamento, ao espaço interno e ao consumo. 

6 – Hyundai HB20 – 3.835 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O HB20, que estava no pódio dos mais vendidos, caiu para a sexta posição e vendeu bem menos no mês de outubro em comparação a setembro: de 5.259 para 3.835 unidades. 

Apesar disso, no geral, os brasileiros gostam muito do custo/benefício desse modelo e estão até se acostumando com o design “diferentão” dos últimos anos.  

Os principais pontos fortes do HB20 são a estabilidade, a suspensão e o motor. Já entre os pontos fracos, podemos citar o acabamento interno e o espaço do porta-malas. 

5 – Chevrolet Tracker – 4.151 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O Chevrolet Tracker subiu do nono para o quinto lugar com quase o dobro das vendas do mês de setembro, de 2.076 para 4.151 unidades vendidas. 

Os principais pontos fortes desse modelo são o design, o desempenho e o câmbio, mas ele deixa a desejar no acabamento interno, na posição de dirigir e no consumo. 

4 – Chevrolet Onix – 5.349 4.263 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

Mesmo com um aumento nas vendas, o Onix se manteve no quarto lugar e ainda não entrou para o pódio dos mais vendidos. Foram 4.263 vendas em setembro e 5.349 em outubro. 

Entre os principais pontos fortes desse modelo estão o design, o desempenho e o câmbio, mas ele perde muitos pontos pelo acabamento interno, pelo espaço do porta-malas e pela posição de dirigir. 

3 – Hyundai Creta – 5.492 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

As vendas do Creta quase dobraram entre setembro e outubro e ele saiu do sétimo para o terceiro lugar, deixando para trás o HB20 e o Fiat Mobi, carros que estavam no Top 3 do mês passado. Foram 2.864 vendas em setembro contra 5.492 em outubro. 

O Hyundai Creta tem um ótimo espaço interno, um porta-malas ideal para quem gosta de viajar, além de ótimos equipamentos de série, mas é alvo de reclamações por causa do baixo desempenho, do alto consumo de combustível e do câmbio. 

2 – Volkswagen T-Cross – 6.008 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O T-Cross se manteve no pódio dos mais vendidos, mas caiu para a segunda posição. Foram 5.742 vendas em setembro contra 6.008 em outubro. 

Esse modelo costuma ser muito elogiado pelo conjunto mecânico, pela dirigibilidade e pelos itens de segurança. E mesmo perdendo alguns pontos no preço, no espaço interno e no acabamento (que é, na maior parte, em plástico rígido), o VW T-Cross está conquistando o mercado brasileiro. 

1 – Fiat Argo – 7.214 emplacamentos 

*Imagem retirada de banco de dados público digital

O Fiat Argo, que estava em quinto lugar no ranking do mês anterior, acelerou e assumiu a primeira posição nas vendas. Foram 4.410 emplacamentos em setembro contra 7.214 em outubro. 

Segundo os donos desse carro, os principais pontos fortes são o design, os equipamentos de série e a tecnologia embarcada e os pontos fracos são o câmbio, o desempenho e o motor.  

Veja também o Top 10 de setembro de 2021!